Vizinhos se dizem surpresos com morte de casal em bairro de Rio Preto

0
Casal foi encontrado morto por um dos familiares (Foto: Reprodução / TV TEM)

Suspeita da polícia é que ele tenha matado mulher e depois se matado.
Parente sentiu falta do casal no fim de semana e encontrou os dois mortos.

A morte de um casal chocou os moradores do bairro Parque da Cidadania, em São José do Rio Preto (SP). Os corpos de Thiago Daniel dos Santos, de 32 anos, e da mulher dele, Keila Miranda Montel, de 30, foram encontrados por um parente na noite desta segunda-feira (8).  Segundo os vizinhos, o casal morava no local há uns três anos.

Ninguém nunca tinha ouvido discussões ou brigas dos dois. “Moro perto deles e nunca vi briga, nada, sem barulho. A gente quando ficou sabendo ficamos surpresos com o que tinha acontecido”, afirma a dona de casa Sônia Maria Teixeira.

Os corpos foram encontrados pelo padrasto de Thiago, que foi até a casa depois da família passar o fim de semana sem notícias do casal. De acordo com a polícia, o corpo da Keila, tinha marcas de agressões e estava em estado de decomposição.

Thiago foi encontrado pendurado pelo pescoço, por uma corda, na área de serviço da casa. A suspeita da polícia é que ele tenha matado a mulher e, dias depois, se matado. A perícia foi acionada e, por meio dos exames, vai identificar há quanto tempo o corpo da mulher estava no local.

Thiago e Keila foram encontrados mortos em casa (Foto: Reprodução/ TV TEM)Thiago e Keila foram encontrados mortos em casa
(Foto: Reprodução/ TV TEM)

O motorista João Donizete Matias mora na casa da frente e disse ter visto Thiago no sábado (6) e no domingo (7), pela manhã. O vizinho conta ainda que Thiago estava com os pulsos enfaixados. “Ele saiu com a caminhonete e depois entrou para a casa e não saiu mais. Como ele mexe com manutenção de elevadores, a gente achou que ele tinha machucado, algo assim”, afirma o motorista.

Keila era técnica em enfermagem e trabalhava no Ambulatório Médico de Especialidades de Rio Preto. O corpo dela foi encaminhado para Canarama (MS), onde vai ser o enterro. Thiago fazia manutenção de elevadores e o enterro dele foi na tarde desta terça-feira no cemitério São João Batista, em Rio Preto.

Casal foi encontrado morto por um dos familiares. Rio Preto (Foto: Reprodução / TV TEM)Casal foi encontrado morto por um dos familiares (Foto: Reprodução / TV TEM)

DEIXE UMA RESPOSTA