Vitor Hugo e Luiz Adriano ajudam a devolver equilíbrio ao Palmeiras

0

Depois de ter sido vazado nas oito primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro no período pós-Copa América, o Palmeiras não só voltou a vencer, mas também voltou a vencer sem sofrer gol.

Nas duas últimas das três vitórias com Mano Menezes, o time marcou quatro vezes e não teve sua rede balançada (3 a 0 sobre o Fluminense e 1 a 0 diante do Cruzeiro, ambas as partidas jogando em casa).

A mudança da equipe com a troca no comando tem sido elogiada pelos jogadores, mas o equilíbrio entre defesa e ataque passa também pela chegada de dois reforços nesses setores: Vitor Hugo e Luiz Adriano, contratados no meio da temporada.

O zagueiro, de volta ao clube pelo qual foi campeão brasileiro e da Copa do Brasil, fez cinco jogos e tem se destacado como um dos principais nomes do time, nas antecipações e bolas aéreas. A ponto de a dúvida ser sobre seu parceiro de zaga – Luan ou Gustavo Gómez – e não sobre sua permanência ou não entre os titulares.

Para a partida de domingo, contra o Fortaleza, fora de casa, a dúvida permanece. Gómez jogou contra o Cruzeiro, mas trabalhou na parte interna na última quarta-feira.

Já no ataque, quem tem se firmado é Luiz Adriano. Mais habilidoso do que os demais centroavantes do elenco, ele se posiciona bem dentro da área, ajuda a posicionar os colegas na marcação da saída de bola e já marcou quatro gols em sete jogos.

Luiz Adriano se adaptou rapidamente ao Palmeiras — Foto: Cesar Greco / Ag Palmeiras

Luiz Adriano se adaptou rapidamente ao Palmeiras — Foto: Cesar Greco / Ag Palmeiras

Em Fortaleza, pela primeira vez ele não terá a companhia de Dudu, suspenso. Até aqui, Mano Menezes não deu nenhum indício nos treinamentos de quem será o substituto, mas o favorito a assumir a vaga é o meia Zé Rafael.

O Palmeiras ocupa a vice-liderança do Brasileirão, com 39 pontos, três a menos do que o Flamengo. A equipe carioca tem também duas vitórias a mais.