Venda de computadores desacelera por eleições e dólar alto, diz IDC

0
Foram vendidas 1,3 milhão de máquinas no período. — Foto: Divulgação

Avanço foi de 0,5% no terceiro trimestre, contra crescimentos de 14% e 21% nos trimestres anteriores.

As vendas de computadores no Brasil desaceleraram no terceiro trimestre em relação aos meses anteriores, com um avanço de 0,5% ante mesmo período de 2017, devido à alta do dólar e à proximidade de eleições, afirmou nesta sexta-feira a consultoria IDC.

Segundo o levantamento, foram vendidas 1,3 milhão de máquinas no período. Na comparação com o trimestre imediatamente anterior, houve uma queda de 3%.

Nos trimestres anteriores, esse mercado tinha registrado crescimentos de 14% a 21%, na comparação com iguais intervalos de 2017.

“A pausa no movimento do governo devido às eleições já era esperada, se concretizou e impactou no resultado. Os preços também subiram neste período por conta do dólar”, disse o analista da IDC Brasil Wellington La Falce, em nota.

Para o trimestre que vai até janeiro, a IDC prevê retração de 4,5% nas vendas na comparação com um ano antes.