Título da Copa do Brasil pode isolar Cássio e Danilo como maiores campeões do Corinthians

0
Foto: Divulgação

Timão precisa inverter derrota por 1 a 0 em Belo Horizonte para conseguir o título

Cássio e Danilo podem se tornar, nesta quarta-feira, a partir das 21h45 (de Brasília), na Arena Corinthians, diante do Cruzeiro, os jogadores mais vitoriosos da história do Corinthians, caso o Timão consiga inverter a derrota por 1 a 0 no jogo de ida da final da Copa do Brasil.

Com oito títulos cada conquistados pelo Corinthians, os dois hoje aparecem empatados na lista dos maiores campeões junto a Neco (meia que jogou no clube de 1913 a 1930), Del Debbio (zagueiro dos anos 20 e 30), Marcelinho Carioca (meia dos anos 90 e 2000), Kléber (lateral-esquerdo de 1998 a 2003), Chicão (zagueiro de 2008 a 2013) e Alessandro (lateral-direito de 2008 a 2013).

Provável reserva contra o Cruzeiro, Danilo precisa sair do banco para que o hipotético título seja computado em seus números, já que ele ainda não atuou na atual edição da competição, critério adotado pelo jornalista e historiador Celso Unzelte, autor do “Almanaque do Corinthians”. Machucado em 2017, o meia não é considerado campeão paulista na temporada passada.

Danilo e Cássio foram importantes na conquista do Paulistão de 2018 pelo Corinthians — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians
Danilo e Cássio foram importantes na conquista do Paulistão de 2018 pelo Corinthians — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians

No atual elenco, Emerson Sheik e Ralf aparecem logo abaixo da dupla em número de conquistas: sete. Romero, Fagner e Jadson, por sua vez, conquistaram quatro títulos pelo Corinthians.

– Ser campeão pelo Corinthians é diferente, por tudo o que a gente vive. A torcida abraça, está junto o tempo todo. O clube recebe bem. Tanto nós, que conseguimos conquistas, como os que não venceram títulos no clube, querem ganhar, isso faz o barco andar para frente – disse Fagner.

Jogadores como Gabriel, Pedrinho e Léo Santos acumulam três títulos pelo Corinthians (o bicampeonato paulista 2017/2018 e o Brasileirão de 2017). Clayson, no clube desde maio do ano passado, tem dois. Mateus Vital e Henrique, contratados em janeiro, apenas um.

A noite pode ser especial ainda para dois titulares que nunca venceram títulos pelo Timão: o lateral-esquerdo Danilo Avelar e o volante Douglas, que chegaram ao clube na parada da Copa do Mundo.

Relembre os títulos de Cássio

  • Brasileirão (2015 e 2017)
  • Libertadores (2012)
  • Mundial (2012)
  • Recopa (2013)
  • Paulistão (2013, 2017 e 2018)

Relembre os títulos de Danilo

  • Brasileirão (2011, 2015 e 2017)
  • Libertadores (2012)
  • Mundial (2012)
  • Recopa (2013)
  • Paulistão (2013 e 2018)

Veja as informações do Corinthians para a final contra o Cruzeiro:

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data e horário: quarta-feira, às 21h45 (de Brasília)

Escalação provável: Cássio; Fagner, Léo Santos (Pedro Henrique), Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Romero, Jadson, Mateus Vital e Clayson
Desfalques: Renê Júnior (lesão no joelho esquerdo), Ángelo Araos (suspenso) e Matheus Matias, Rodrigo Figueiredo e Roger (não podem defender o Corinthians na Copa do Brasil)

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhaes (FIFA-RJ) apita, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (FIFA-RJ) e Bruno Boschilia (FIFA-PR)
Transmissão: TV Globo (com Luis Roberto, Caio Ribeiro, Bob Faria e Leonardo Gaciba) e SporTV (com Milton Leite, Mauricio Noriega e Muricy Ramalho)
Tempo real: no GloboEsporte.com, a partir das 15h