Rafael Nadal confirma participação na Olimpíada: “Vou tentar jogar todas”

0

Em entrevista na noite desta terça-feira, depois de segundo dia de treinos no Brasil, espanhol garante presença no torneio de tênis. Ele será porta bandeira do seu país

Rafael Nadal está garantido no torneio de simples, duplas e duplas mistas da Olimpíada do Rio de Janeiro. O espanhol acabou com os rumores que o cercavam desde antes da chegada ao Brasil e confirmou nesta terça-feira, após o segundo dia de treinos na cidade, que vai disputar a competição, que começa no próximo sábado, dia 6 de agosto. Ele tenta ser bicampeão olímpico, pois foi ouro em 2008.

A presença de Nadal no torneio olímpico era assunto recorrente há dias, mas nunca havia sido comentada pelo próprio jogador. O espanhol treinou pela primeira vez no Rio na segunda-feira e saiu com uma proteção de gelo no punho esquerdo  Nesta terça, foi à quadra normalmente e disse, enquanto fazia compras na Vila Olímpica, que estava em boas condições de jogo.

– Se não fossem os Jogos Olímpicos eu não estaria aqui. Me motiva estar na Olimpíada. Eu perdi a de Londres e, evidentemente, tentei a todo momento, desde que me lesionei em Roland Garros, de tudo para estar aqui. Sou consciente de que a maneira que chego a essa Olimpíada não é a maneira que eu tinha sonhado chegar, mas estou aqui. Então, acho que é um saldo positivo. A princípio vou tentar jogar todas – disse Nadal após o treino desta tarde, se referindo aos torneios de simples, duplas masculinas e duplas mistas.

Disputar os Jogos do Rio era uma obsessão para o tenista, que foi escolhido pela segunda vez como porta-bandeira da Espanha. Em 2012, ele carregaria o símbolo do país na abertura da Olimpíada de Londres, mas sequer viajou à capital da Inglaterra por causa de uma lesão. No Brasil, além do torneio de simples, Nadal jogará dupla com Marc López.

Vencedor de 14 Grand Slams (os torneios de maior relevância do tênis) e apontado como um dos maiores da história do esporte, Nadal busca sua segunda medalha de ouro na Olimpíada. Ele sagrou-se campeão em Pequim, em 2008, mas não conseguiu defender o título quatro anos depois, pois uma lesão impediu sua presença na Olimpíada de Londres.

DEIXE UMA RESPOSTA