Prazo para novo Fórum de Rio Preto funcionar é prorrogado pelo Tribunal de Justiça

0

Prédio que custou quase R$ 14 milhões vai receber adequações técnicas e logísticas.

O prazo para funcionamento do prédio do novo Fórum de São José do Rio Preto (SP) foi prorrogado por mais 90 dias pelo Tribunal de Justiça. A construção que foi inaugurada em janeiro deste ano custou quase R$ 14 milhões e vai receber adequações técnicas e logísticas.

No entanto, a prefeitura arca com as despesas do prédio parado desde março. São cerca de R$ 10 mil divididos entre energia elétrica e manutenção.

“Estamos tentando reduzir todos os contratos de locação. O momento é de crise econômica e otimização dos recursos públicos. Há uma queda de arrecadação, o município já está cortando serviços terceirizados e todos os contratos de locação que estão vencendo ou que estão na eminencia de vencer já estão sendo negociados com a redução média de 30%”, explica o secretário de Administração de Rio Preto Luis Roberto Thiesi.

O novo fórum vai abrigar as varas da Família, Infância e Juventude, Fazenda e o Juizado Especial. De acordo com o secretário geral da OAB de Rio Preto, Paulo Younes, pouca coisa vai mudar com o novo Fórum.

“O Fórum criminal que fica no centro da cidade vai ter que permanecer, já que construíram um prédio que não suporta todas as varas. É obvio que novas instalações tem a finalidade de melhorar mas não é o caso em questão”, afirma Younes.