Polícia registra 520 roubos de celulares neste ano em Rio Preto

0
Casos de roubo de celulares têm aumentado na cidade (Foto: Reprodução/TV TEM)

No mesmo período do ano passado, foram registrados 327 roubos.
Polícia diz que faz policiamento ostensivo em áreas com mais casos.

Dados da Secretaria de Segurança Pública revelam que aumentou, entre 2015 e 2016, em São José do Rio Preto (SP), o número de um tipo de roubo específico: o de celulares, ou smartphones. Com os aparelhos cada vez menores e valendo muito, não é difícil imaginar porque os ladrões preferem este tipo de crime. O problema é a violência usada pelo ladrão para conseguir isso.

Em Rio Preto do começo do ano até agora o roubo de celular aumentou mais de 60% se comparar com o mesmo período do ano passado. Além disso, os crimes estão sendo praticados na maioria das vezes à mão armada. Segundo dados da Polícia Militar, de janeiro até agora já são 520 roubos de celulares na cidade. A média é de 47 por mês. No mesmo período do ano passado, foram registrados 327 roubos.

Um adolescente de 15 anos que não quer se identificar foi uma das vítimas. Em 10 dias ele teve dois celulares roubados. Em um dos casos o ladrão estava armado. “Chegou de moto, me fechou, sacou a arma e falou para dar o celular. Depois da primeira vez que fui roubado, nem imaginei que logo depois seria roubado novamente”, afirma.

Uma adolescente de 13 anos, que também não quer aparecer, teve o celular roubado depois de sair da escola. O assaltante apontou a arma para ela e ainda fez ameaças.  “Atravessei uma praça com uma amiga e eles me abordaram e apontaram uma arma para mim e para minha amiga, pedindo o celular. Dei o celular porque senão eles iam atirar”, diz.

Para a polícia, a facilidade na venda dos aparelhos contribui para esse aumento no número de roubos. A PM diz que tem direcionado o patrulhamento para as principais avenidas da cidade onde é registrada a maioria dos crimes. “Tem valor alto e são facilmente vendidos. Esse crime aumentou bastante e direcionamos o policiamento para que faça a prevenção onde esse crime mais acontece. Com isso temos prevenindo esse tipo de crime e prendemos pelo menos uma pessoa por dia suspeita de cometer roubo de celular”, afirma o capitão da Polícia Militar Marcelo Lessa.

Ainda segundo o capitão, dados da PM mostram que a maioria dos roubos acontece nas principais avenidas da cidade, normalmente nos pontos de ônibus. Uma das orientações da polícia para evitar o crime é ter muita atenção ao usar o aparelho na rua.

DEIXE UMA RESPOSTA