Polícia de Jundiaí identifica motociclista gravado a mais de 400 km/h na Rodovia Anhanguera

0
Moto em alta velocidade na Rodovia Anhanguera, em Louveira (Foto: Reprodução EPTV)

Vídeos publicados nas redes sociais ajudaram a identificá-lo. Rapaz foi intimado a prestar depoimento.

A Polícia Rodoviária identificou o motociclista que aparece em um vídeo abusando da velocidade na Rodovia Anhanguera. Segundo a Polícia Civil, ele será intimado para prestar esclarecimentos.

Em um vídeo divulgado nas redes, o velocímetro da moto registra a velocidade travada em 299 km/h. Porém, um equipamento instalado na moto sugere que o veículo esta acima de 400 km/h.

Isso corresponde a quatro vezes mais do que a velocidade permitida nas rodovias Anhanguera e Bandeirantes, duas das mais movimentas do país, que têm velocidades máximas de 100 e 120.

Por outra imagem, um amigo tenta gravá-lo na Anhanguera e revela a rapidez do veículo. O motociclista foi identificado e, segundo a investigação, ele foi visto em cinco vídeos. Todas as informações foram enviadas para a delegacia de Jundiaí, que vai intimá-lo a prestar depoimento.

“Uma conduta imprudente e irresponsável. Ele colocou em risco a integridade física dele e de outros usuários que estavam na rodovia. De imediato vai ter a CNH suspensa e ele vai perder o direito de dirigir”, diz a delegada Marta Rocha de Castro.

O perigo para o tráfego em alta velocidade oferece risco à vida do motociclista e todos que pela via trafegam. “Acima dos 120 quilômetros por hora a relação dele com a queda é o chão. Então, ele vai sofre as consequências de um acidente muito grave”, afirma o gestor da concessionária Fabiano Adami.