Polícia Civil procura por vândalos que destruíram túmulos em Parisi

0
Bíblia foi encontrada queimada no cemitério (Foto: Reprodução/TV TEM)

Ao todo, 14 túmulos foram danificados e nada foi furtado.
Cemitério de Parisi não tem guarda, nem sistema de segurança.

A Polícia Civil tenta identificar quem danificou vários túmulos no cemitério de Parisi (SP) nesta sexta-feira (3). Os moradores da cidade de três mil habitantes estão revoltados e assustados com a ação dos vândalos.

Nos túmulos onde há capela, vidros foram quebrados e placas destruídas. Nem as imagens de santos escaparam da ação dos vândalos. A aposentada Isabel Aparecida Correia ficou inconformada com o que fizeram no túmulo do filho dela. “É um absurdo, não se faz isso, não tem nada de valor financeiro aqui e agora é ir atrás de quem fez”, afirma.

O vandalismo foi de madrugada, quando os funcionários da prefeitura chegaram para trabalhar, nesta sexta-feira, encontraram uma bíblia pegando fogo no pé do cruzeiro. Em seguida, perceberam que vários túmulos estavam depredados. “Fizemos um boletim de ocorrência e os peritos já vieram ao local. Trabalho no cemitério há 24 anos e isso nunca aconteceu, é um local sagrado, não deve acontecer isso”, afirma o chefe do cemitério Antônio Marcos da Silva.

Ao todo, 14 túmulos foram danificados e nada foi furtado. O cemitério de Parisi não tem guarda, nem sistema de segurança. A prefeitura registrou um boletim de ocorrência por danos e disse que vai reforçar a segurança no cemitério.

Capela ficou com os vidros destruídos em Parisi (Foto: Reprodução/TV TEM)
Capela ficou com os vidros destruídos em Parisi (Foto: Reprodução/TV TEM)

DEIXE UMA RESPOSTA