Polícia Civil identifica mais um integrante da ‘gangue do Rolex’ que agia em Rio Preto

0
Suspeito de integrar quadrilha de roubo de relógios é preso no pedágio de Itupeva — Foto: Divulgação

A Polícia Civil informou nesta quarta-feira (17) mais um suspeito de integrar uma quadrilha especializada em roubos de relógios de luxo. Segundo a polícia, cerca de 10 pessoas foram vítimas dos criminosos, em São José do Rio Preto (SP), entre fevereiro a março de 2019.

De acordo com o delegado Júlio Pesquero, o suspeito foi identificado como Willian de Oliveira Monteiro, de 34 anos.

Ele teria a função de reconhecer os alvos e acionar um terceiro integrante que praticava o roubo em uma motocicleta. Juntos, o trio era responsável por cometer crimes em todo o Brasil.

A investigação teve início no dia 23 de fevereiro. Um mês depois, um homem foi roubado na frente de um hotel de luxo, na zona sul de Rio Preto. A vítima, que é moradora de Campinas (SP), passou detalhes à polícia e Wesley Deleon Barbosa, de 32 anos, foi preso em um pedágio de Itupeva (SP).

“Depois da prisão, os policiais foram até a cada dele, onde encontraram veículos de luxo, jet ski, uma considerável quantia em dinheiro, relógios roubados e munições de calibre usados em outros crimes em Ribeirão Preto e Campinas (SP)”, afirma Pesquero.

Ainda segundo o delegado, Willian de Oliveira Monteiro foi identificado por policiais de São Paulo, porque a quadrilha saía da capital para ir até os municípios onde os crimes eram cometidos.

“Ele ajudava na organização criminosa que atuou em Rio Preto. Miramos a prisão dele e soubemos que ele era fugitivo da cadeia de Distrito Federal. Acho que até o final da semana, ele estará preso”, afirma o delegado.

Júlio Pesquero também diz que não existe mercado nas cidades onde os roubos foram praticados. Portanto, os criminosos voltaram para São Paulo para poder revender os relógios para receptadores.

“As investigações irão continuar. Nosso trabalho não termina por aqui. Ainda precisamos encontrar a moto que era usada para cometer os assaltos e o restante dos integrantes da quadrilha”, afirma o delegado.

Suspeito armado praticava roubos de relógios de marca em São José do Rio Preto — Foto: Arquivo Pessoal
Suspeito armado praticava roubos de relógios de marca em São José do Rio Preto — Foto: Arquivo Pessoal