Pescador morre afogado após desaparecer no rio Tietê

0
s suspeitas J.F.B. e T.M.T., ambas com 19 anos e o rapaz E.B.A., de 20 anos, foram presos em flagrante, acusados de furtar duas lojas de roupas localizadas na rua Brasil, na tarde de segunda-feira (29), em Catanduva. Segundo o boletim de ocorrência, policiais militares foram chamados para atender uma ocorrência de furto, onde três pessoas suspeitas haviam furtado mercadorias de duas lojas de roupas. Os acusados foram surpreendidos na posse de calças, camisetas, vestidos e tênis. Durante a ação policial foi apurado que as mercadorias furtadas pertenciam a duas lojas localizadas na rua Brasil, no Centro. Após a confirmação dos furtos os suspeitos foram levados para o Plantão Policial, onde os representantes dos comércios reconheceram as mercadorias. Os acusados foram autuados em flagrante pelo crime de furto, sendo as duas garotas encaminhadas para a cadeia feminina de Santa Adélia e o rapaz recolhido na cadeia de Catanduva, onde todos aguardarão pelo posicionamento da Justiça.

Ele pescava com amigo às margens do rio quando sumiu, em Mirandópolis.
Corpo foi encontrado a cerca de três metros de profundidade.

Um homem morreu afogado durante pescaria na terça-feira (29) no rio Tietê, em Mirandópolis(SP). Segundo informações da polícia, o pescador estava às margens do rio, com água até a cintura, quando desapareceu.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o pescador estava com um amigo, que disse à polícia, que não percebeu quando o homem se afastou e afundou nas águas.

Mergulhadores do Corpo de Bombeiros estiveram no local e encontraram o corpo do pescador após quatro horas de buscas a cerca de três metros de profundidade. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Araçatuba(SP) e, após passar por exames necroscópicos, será liberado à família para o sepultamento,

DEIXE UMA RESPOSTA