Nota zero para redação contra os direitos humanos é retirada

0
enem - jornal bom dia
Foto: Divulgação

Inep divulgou a ‘Cartilha da Redação’ proposta de intervenção que respeite os direitos humanos

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou
a “Cartilha da Redação” da edição 2018 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), uma
espécie de manual que explica aos candidatos como funciona a correção da prova de redação e o que pode ou não pode ser feito na prova.

O Inep retirou da lista de razões para uma redação levar a nota zero o item “desrespeito
aos direitos humanos”. O motivo da mudança foi para atender a uma decisão judicial.

Em julho, o Inep já havia antecipado que seguiria a decisão judicial para “garantir tranquilidade aos participantes”.

Veja abaixo a lista de motivos para uma redação do Enem 2018 levar nota zero:
Fuga total ao tema. Não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa. Extensão de até 7 linhas. Cópia integral de texto(s) motivador(es) da Proposta de Redação e/ou de texto(s) motivador(es) apresentado(s) no Caderno de Questões.

Impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação (tais como números
ou sinais gráficos fora do texto).

Parte deliberadamente desconectada do tema proposto.

Assinatura, nome, apelido ou rubrica fora do local devidamente designado para a assinatura do participante.

Texto predominantemente em língua estrangeira. Folha de redação em branco, mesmo que haja texto escrito na folha de rascunho.