Justiça ouve ladrões suspeitos de matar idoso por não ter dinheiro

0
Idoso quando pediu ajuda em farmácia (Foto: Reprodução/TV TEM)

Caso aconteceu em outubro do ano passado em Birigui (SP).
Idoso foi empurrado por não ter dinheiro e bateu a cabeça no chão.

A Justiça de Birigui (SP) ouviu nesta quinta-feira (27) dois ladrões suspeitos de matar em 2014 um idoso durante um assalto. O motivo do crime, segundo a investigação, teria sido o fato da vítima não ter dinheiro para dar aos assaltantes.

Os suspeitos foram identificados meses depois do crime. A polícia chegou até eles depois de uma denúncia de que os dois tinham uma dívida por causa de drogas. Ainda não há uma data para a sentença.

Imagens do circuito interno de uma farmácia mostraram, no dia do crime, o momento em que o idoso, instantes depois do assalto, caminha com dificuldade, pede socorro e é amparado por uma funcionária.

O caso
O crime aconteceu no dia 30 de outubro do ano passado. Emílio Oliveira de Alcântara voltava da caminhada como fazia todas as manhãs, quando foi abordado por dois rapazes no centro da cidade.

Eles tentaram assaltá-lo, mas como o idoso não tinha dinheiro, foi empurrado e bateu a cabeça no chão. O aposentado caminhou sozinho para pedir ajuda até chegar à farmácia e depois de ter ficado desacordado.

DEIXE UMA RESPOSTA