Justiça faz nova audiência do caso do motorista com carro esportivo que matou idoso em Araçatuba

0
Mustang atingiu um poste depois de bater no carro (Foto: TEM Você)

Testemunhas de acusação e de defesa prestaram depoimento no Fórum da cidade. Empresário dirigia Mustang em alta velocidade quando provocou acidente; caso foi em 2016.

A quarta audiência do caso do motorista do carro esportivo que matou um comerciante, de 69 anos, em Araçatuba, em março de 2016, foi realizada nesta segunda-feira (20). A audiência começou às 13h30, no Fórum de Araçatuba, e durou cerca de duas horas. Foram ouvidas testemunhas de acusação e de defesa.

Participaram da audiência o empresário Luciano Justo, acusado de dirigir um Mustang em alta velocidade e provocar o acidente, e a mulher dele, Tatiane Stabile Escanhuela Justo, que é acusada por adulterar as provas do crime junto de Washington Luis Moraes, primo de Luciano.

TV TEM tentou entrar em contato com o advogado de defesa de Luciano, mas não obteve retorno. Já os advogados de defesa dos demais acusados disseram que durante os depoimentos em outras audiências ficou provado que os clientes não se envolveram no crime.

O acidente

O empresário dirigia um Mustang pela avenida Brasília quando atingiu outro carro que cruzava a via. O outro motorista, Alcides José Domingues, de 69 anos, morreu no local.

O impacto da batida foi tão forte que o carro da vítima foi jogado no canteiro central da avenida. Depois da colisão no carro do comerciante, o Mustang ainda bateu em um poste.

Empresário de Birigui é acusado de provocar acidente que matou um idoso em Araçatuba (Foto: Reprodução/TV TEM)
Empresário de Birigui é acusado de provocar acidente que matou um idoso em Araçatuba (Foto: Reprodução/TV TEM)

Segundo a Polícia Civil, a perícia apontou que o empresário estava a pelo menos 140 km/h, onde o máximo permitido é 60 km/h. Na denúncia do Ministério Público consta que ele tinha bebido antes do acidente. Caso a hipótese seja confirmada, o acusado pode ir à júri popular.

As câmeras de segurança de um posto de combustíveis registraram o acidente. Nas imagens é possível ver o carro esportivo passando pela avenida em uma velocidade bem maior do que a dos outros veículos da via. Em outra imagem, dá para perceber o momento da batida. Funcionários do posto saem correndo para ver o que aconteceu.

Frente do Mustang ficou destruída com o impacto da batida (Foto: Reprodução/TV TEM)
Frente do Mustang ficou destruída com o impacto da batida (Foto: Reprodução/TV TEM)