Hipopótamo Manchinha morre no Zoológico de Rio Preto

0
Manchinha no zoológico de Rio Preto no dia 16 de janeiro deste ano. Foto: SCMS

 

Por: Harley PACOLA

O Zoológico Municipal de Rio Preto, um dos espaços públicos mais visitados pelos moradores comunicou na manhã desta terça-feira, (26), que um de seus três hipopótamos veio a óbito no último sábado, (23). O animal nasceu no próprio zoológico, em 20 de maio de 2012, filho do casal que vive no local, tendo recebido o nome de Manchinha.

No dia 23 de fevereiro de 2019, sábado, por volta das 15h30, o tratador do recinto observou que ele não comeu o alimento servido na parte da manhã e no período da tarde verificou que o animal se mantinha inteiramente imerso na água e não observava se ele retirava a cabeça para respirar. O animal não havia apresentado até o presente momento qualquer alteração de comportamento ou sinal de doença.

A equipe do Zoológico prontamente entrou no recinto e constatou seu óbito.

A necrópsia foi realizada o mais rápido possível, a partir das 20h, para que não ocorresse a deterioração da carcaça.

Na necrópsia participaram três médicos veterinários e um biólogo. De forma geral foram identificadas lesões no estômago, intestino e um corpo estranho na válvula íleo-cecal.

Foi colhido material para análises laboratoriais para confirmar a causa do óbito. Esses exames devem ficar prontos dentro de 60 dias.

“A equipe do Zoológico Municipal manifesta seu luto e tristeza pela perda do Manchinha”, finaliza a nota.