Grêmio encerra tabu, vence São Paulo na Arena pela primeira vez e encosta na liderança

0

Com gol de Douglas, time gaúcho faz 1 a 0, vai a 30 pontos e fica a dois do Palmeiras; Denis evita goleada em Porto Alegre

RESUMÃO

  • O JOGO 
  • LIÇÃO DE CASACom um gol de Douglas, a única bola que entrou no bombardeio sobre Denis, o Grêmio venceu o São Paulo por 1 a 0 neste domingo, em sua arena, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com os tropeços do líder Palmeiras e do vice-líder Corinthians, o Tricolor gaúcho entrou de vez na disputa pela liderança, com 30 pontos, empatado com o Timão e a dois do Verdão. O Tricolor paulista continua na parte do meio da tabela, a 10 pontos do primeiro colocado – veja aqui a classificação.

     
  • DESTAQUEPRIMEIRO TEMPOQuase só o Grêmio jogou na primeira etapa da partida. Ah, e Denis também. O goleiro do São Paulo defendeu as cinco chances reais de gol entre as 15 finalizações do time da casa – foram cinco tentativas com Bolaños. Atacando por todos os lados, a equipe gaúcho pressionou o adversário no campo de ataque. Houve pouco perigo do outro lado, em contra-ataques dos paulistas que quase não eram finalizados.

  • DESTAQUESEGUNDO TEMPOA etapa final começou do mesmo jeito, com o Grêmio chutando, e Denis defendendo. Mas, aos sete minutos, após outra ótima defesa em chute de Maicon, Douglas aproveitou o rebote para, de dentro da pequena área, abrir o placar. O São Paulo até que conseguiu sair da pressão, mesmo sem criar, mas voltou a ser dominado após a expulsão de Mena. O jogo terminou com 11 finalizações do time da casa contra zero, e outro milagre de Denis.

  • DESTAQUEPÚBLICO E RENDAA arena gremista foi ocupada por 37.069 pagantes, que geraram uma renda de R$ 1.459.680,00.

  • DESTAQUEMAESTRODouglas fez o seu quarto gol no Brasileirão, tornando-se o vice-artilheiro do Grêmio na competição. E tem a chance de tomar a liderança da lista, já que Luan, que tem cinco gols, está com a Seleção para a disputa da Olimpíada, no Rio de Janeiro. Ele saiu aplaudido no segundo tempo.

  • DESTAQUEOLHA QUEM VOLTOUAos 18 do segundo tempo, Kelvin entrou no lugar de Gilberto, voltando a jogar depois de um mês parado por causa de lesão na coxa esquerda. Ele tinha se machucado em 23 de junho, contra o Sport, desfalcando o São Paulo nas semifinais da Libertadores.

  • DESTAQUE MITOU?Denis foi o nome do jogo. O goleiro evitou um placar mais elástico no Sul. Quem escalou o jogador no Cartola, mesmo com o gol sofrido, fez uma boa escolha: 13 pontos somados!

  • DESTAQUE PRÓXIMOS JOGOSPela 17ª rodada, no próximo domingo, o São Paulo recebe a Chapecoense, às 11h (de Brasília), no Morumbi. Às 18h30, no Independência, o Grêmio visita o América-MG.

DEIXE UMA RESPOSTA