Fretes nas Alturas

0
Fretes estão nas alturas dificultando a vida de empresários de vários segmentos

Preços cobrados pelas transportadoras aumentaram em até 150% em alguns casos assustando empresários

O custo do transporte de cargas subiu consideravelmente após a greve dos caminhoneiros. Contratar fretes está ficando cada vez mais difícil em razão dos altos preços cobrados. Empresários de Rio Preto reclamam que em alguns casos o preço do frete estaria 50% mais alto, isso quando a viagem é mais curta.

Se uma viagem passar de dois mil quilômetros os valores ficam insustentáveis, chegando a 150% de aumento. Em valores reais, algumas empresas transportadoras que antes cobravam R$ 210 por tonelada transportada, passaram a cobrar R$ 450 por tonelada. Proprietários de empresas de vários setores produtivos reclamam da dificuldade de abastecer seus comércios devido à falta de matéria prima.

Nesses casos específicos o reajuste chega a 134%. Para os proprietários de vários segmentos empresariais, a aposta é na livre concorrência que é a única alternativa para que os preços fiquem menores nos próximos dias.