Escola pública com fama de ‘boa’ gera fila de pais para matricular filhos

0
Critério para garantir vaga é a ordem de chegada (Foto: Reprodução / TV TEM)

Segundo pais, escola é de tempo integral e é a melhor de Olímpia (SP).
Moradores passam a noite na fila; critério para vaga é ordem de chegada.

Para conseguir uma vaga para o filho em uma das principais escolas públicas de Olímpia (SP), dezenas de pais estão passando noites dormindo na calçada, a porta da escola, para tentar matricular as crianças.

Pelo menos 50 pessoas estão na fila para tentar uma vaga. A calçada em frente à Escola Estadual Capitão Narciso Bertolino está com cadeiras espalhadas por quase um quarteirão. A Secretaria de Estadual de Educação afirma que há vagas em outras escolas da rede. Mas segundo os pais, a escola Narciso Bertolino é a que tem melhor estrutura entre todas as estaduais na cidade. “É bem melhor porque é padrão integral e as outras não são e hoje o que tem de melhor na cidade é essa escola”, afirma o tio de aluno Gilberto Estevam.

A Narciso Bertolino recebe alunos de outras escolas que só tem até a quinta série. Estudantes de três escolas de Olímpia estão vindo para o local, mas não tem vaga para todo mundo.  As matrículas começam nesta sexta-feira (23) e o critério definido em edital é a ordem de chegada.

Pais estão na fila na calçada da escola (Foto: Reprodução / TV TEM)
Pais estão na fila na calçada da escola (Foto: Reprodução / TV TEM)

Os pais se organizaram na fila e distribuíram senhas entre eles. “Estou na fila desde as 10h da manhã de quarta-feira, quando fui informada que tinha de vir pegar a senha para minha filha”, diz a comerciante Alessandra Bueno.

Eles estão no local desde quarta-feira (21) na calçada. Para isso trouxeram colchão, coberta, mas tudo de forma precária. “Estou com uma dor nas costas que não estou aguentando. Não trouxe nada para ficar na fila, só o desafio e a força de vontade de ficar e garantir uma vaga”, afirma o motorista João Batista Scariante.

O pai ou mãe que precisa trabalhar e não consegue ficar na fila acaba dando um jeito. O aposentado Jorge Adolfo do Prado ganhou um dinheiro extra por ficar na fila. “Estou no lugar de alguém que não pode ficar durante o dia e vou ganhar R$ 50 para ficar na fila”, afirma.

A diretoria da escola disse que a escola não tem como ajudar esses pais e que o critério da ordem de chegada vai ser mantido. A Diretoria Regional de Ensino disse que todos os alunos têm vaga garantida na rede estadual e que são mais de 300 vagas disponíveis para novas matrículas no ensino fundamental 2 nas escolas estaduais do município. A diretoria informou ainda que, além da Capitão Narciso Bertolino, outras oito escolas de Olímpia podem receber esses alunos.

DEIXE UMA RESPOSTA