Saber sair ou entrar , a Arte!

0
Eduardo Stefano - jornal bom dia
 Sabemos que todos os profissionais ao longo da carreira e motivados pela evolução profissional, passarão pelo desafio da troca de emprego. É ai que a habilidade para efetuar esta troca se faz necessária.

Principalmente pelo fato do profissional liderar o seu processo de escolha e desenvolvimento, seja por ter o privilégio de poder escolher, ou simplesmente por ser dono de sua carreira (dois temas que comentei em artigos anteriores e que recomendo a leitura). Este profissional ao longo de sua jornada passará pelo desafio de saber negociar sua saída do atual empregador, assim como, seu inicio em um novo desafio.

É cada vez mais raro o profissional que dedica uma vida inteira a uma única organização. Os poucos casos que ainda existem apresentam histórico bem diversificado de experiências e desafios ao longo de toda a carreira. O fato é que ao longo de sua carreira o profissional enfrentará algumas vezes o desafio da saída ou da entrada em novas organizações, e é exatamente ai que mora o perigo!

Vivenciei ao longo de muitos anos este processo e muitos casos foram bastante desastrosos para ambos os lados. Sempre utilizei a expressão: deixar a porta aberta. Isto mesmo, no caso de sair de uma organização, seja por escolha própria para um novo desafio, ou infelizmente por contingências do nosso atual momento político, econômico e social. Devemos negociar muito bem este processo.  É sem dúvida uma Arte”, e posso afirmar que muitos profissionais negligenciam este momento, esquecendo-se do que comentei a pouco. Em muitos casos ao saírem de uma organização não se dão conta do que os espera no futuro, e acabam até menosprezando o empregador que os acolheu até este momento.

Para o profissional atingir o sucesso em sua área de atuação ele terá que conquistar a admiração de seus clientes, de sua equipe/empresa, e também de de seus concorrentes. Nestes momentos será fundamental manter o excelente relacionamento e deixar sempre a melhor impressão. É exatamente ai que o famoso “networking”  entra em ação.  São infindáveis os casos de profissionais que são atraídos pelos seus concorrentes, ou muitas vezes indicados para eles por seus clientes em comum.

Portanto, meus amigos, mantenham sempre em suas carreiras o saber sair e saber entrar nas organizações com relevância e importância ao seu processo de evolução profissional.