Diário do Verdão – Recuperada, bola parada volta a ser arma ofensiva do Palmeiras

0

Depois de alguns jogos, líder do Campeonato Brasileiro tem colocado novamente em prática os ensaios da Academia de Futebol. “É necessário”, diz o técnico Cuca

O escanteio batido por Dudu, com efeito, tirando o peso da bola e buscando  a chegada de Vitor Hugo pelo alto, garantiu a vitória do Palmeiras no difícil duelo do último domingo, na Arena da Baixada. Essa é só uma da lista de jogadas ensaiadas por Cuca na Academia de Futebol.

Na rodada anterior do Campeonato Brasileiro, também partiu de uma treinada cobrança de escanteio o primeiro gol do triunfo sobre o Vitória, na arena, marcado por Lucas Barrios:

– A gente não faz (ensaio de jogadas) porque é bonito. Faz porque é necessário, faz porque ajuda. Contra um time que defende bem, com dez na área, você quebra alguma coisa desse sistema – disse o técnico, dois dias antes do jogo em Curitiba.

Por um tempo, no entanto, o time não pôs em prática as jogadas ensaiadas. Foi assim principalmente nas derrotas para Atlético-MG e Botafogo, ocasiões em que as escolhas nas bolas paradas, tanto em escanteios quanto em faltas, foram aleatórias.

A gente não faz porque é bonito. Faz porque é necessário, porque ajuda”
Cuca, técnico do Palmeiras

O forte jogo aéreo alviverde, que tem Vitor Hugo como uma das principais armas, será reforçado em breve com o retorno do colombiano Yerry Mina. O também zagueiro, de 1,95m, recupera-se de lesão muscular sofrida em 12 de julho, quando o gol do Palmeiras no empate com o Santos, foi marcado justamente por ele.

Além de Dudu, que voltou a crescer de produção após uma conversa com Cuca, de quem ganhou a braçadeira de capitão, o elenco tem na bola parada também Jean e Cleiton Xavier.

O próximo desafio será às 16 horas (de Brasília) deste domingo, diante da Ponte Preta, em casa. O Palmeiras lidera com 39 pontos, três a mais do que o Santos, segundo colocado.

Vitor Hugo gol Palmeiras (Foto: Giuliano Gomes/Agência PR Press)Vitor Hugo festeja gol de cabeça contra o Atlético-PR (Foto: Giuliano Gomes/Agência PR Press

DEIXE UMA RESPOSTA