Cresce o número de cães perdidos em Rio Preto

0
Número de animais perdidos crescem nas ruas

Descuido dos proprietários que deixam o portão aberto e até mesmo períodos festivos com queima de fogos são fatores que colaboram para o aumento considerável dos casos

O número de animais perdidos tem crescido nos últimos meses em Rio Preto e na região, sendo que na maioria das vezes os proprietários esquecem os portões de suas residências abertos, facilitando a fuga dos animais de estimação.

Mas as fugas não se restringem apenas ao descuido dos donos, já que nessa época de festas juninas e de Copa do Mundo, o estouro dos rojões durante as comemorações deixam os cães extremamente exaltados, chegando em alguns casos a perder o faro e a noção de onde estão o que justifica as perdas.

O cão tem uma audição privilegiada, pelo menos seis vezes melhor que a dos seres humanos, razão pela qual entram em pânico nos momentos festivos e correm sem direção.

O veterinário Cláudio Pereira Dantas, que tem estabelecimento no Jardim Tangará,  destaca que é importante preservar a integridade dos animais nesses momentos de queima de fogos. “Se for possível coloque algodão ou algum protetor no ouvido do animal. Se não tiver essa condição no momento, simplesmente deixe-o perto que ele dará um jeito de se abrigar e se sentir protegido”, disse.