“Core Business” X Oportunidade!

0

A expressão “core business”, ou seja, negócios centrais ou principais é muito utilizada nas principais escolas de negócios, assim como, praticado no ambiente empresarial.

Sabemos o quanto é importante definir atividades fins da empresa. O planejamento estratégico traz este tema de forma bastante estruturada. Entender muito bem as atividades “core” de uma empresa é realmente necessário, entretanto, trago aqui um questionamento: O que faríamos com nosso “core business” se recebêssemos a oportunidade de atender, com pequenas variações de nossas atividades do dia-a-dia um novo cliente? Sendo este cliente uma multinacional de extrema importância em seu ramo de atuação, o que faríamos? Declinaríamos o interesse da empresa em nossos serviços devido a não estar no “core business” de nossas operações? Ou adaptaríamos o nosso negócio para acomodar um novo e importante cliente?

A resposta poderia ser “depende”, mas trago para vocês uma reflexão importante! No atual momento a busca por clientes, principalmente clientes estratégicos, é cada vez mais desafiante. Não é todo dia que conquistamos estes clientes. Muitos de vocês sabem como é difícil para empresas nacionais de pequeno e médio porte terem em seu portfólio clientes desta envergadura. Pois bem, observei de uma determinada empresa esta frustrada experiência recentemente, declinando formalmente do interesse em atender uma multinacional estratégica em seu ramo de atuação, e pasmem a justificativa foi não estar 100% alinhado com o “core” dos negócios da empresa.

Na verdade este caso destaca para mim como gestores limitados deixam seus clientes irem para a concorrência, frustrando inclusive sua equipe que pretendia ter o cliente em seu portfolio, assim como, seus acionistas que nem ficam sabendo do ocorrido.

Meus amigos, tenham sim seu “core business” definido, validem sim seu plano estratégico, mas acima de tudo, estejam perto do mercado e se preciso for, ajustem seus planos para não permitir que aberrações desta natureza ocorram, ou seja, capturem os novos clientes.

Após o inicio de uma parceria, nunca se sabe o que podemos conquistar em um novo cliente.