Começa segunda etapa da campanha de vacinação contra gripe

0
2ª etapa da campanha de vacinação contra gripe. 22/04/19. Foto: Ivan Feitosa/Pref. Rio Preto.

Começou nesta segunda-feira, 22 de abril, a segunda etapa da campanha de vacinação contra a gripe, que inclui: idosos, profissionais da saúde, professores, portadores de doenças crônicas, indígenas, população carcerária, policiais civis e militares e bombeiros. Na primeira etapa, realizada entre 10 e 18 de abril, a vacinação foi exclusiva para gestantes, puérperas e crianças. Nesta segunda etapa a vacinação também continua para estes grupos.

Em Rio Preto, a estimativa é de que 144.641 doses sejam aplicadas, até o fim da campanha, em 31 de maio. Para gestantes, crianças, puérperas, idosos, profissionais da saúde e professores, a meta de vacinação estabelecida pelo Ministério da Saúde é de 90%. Até agora, a cobertura vacinal do município está em 20,25%, com 6.291 doses aplicadas, entre 10 e 17 de abril.

Para a segunda etapa, a estimativa é de que 57.373 idosos recebam a vacina, assim como 18.759 profissionais da saúde e 5.203 professores. Para os demais grupos, não há meta. A novidade, nesta semana, foi a inclusão de policiais civis, militares e bombeiros na campanha. Para comprovar a função e ser vacinado, basta apresentar carteira funcional. Já para os portadores de doenças crônicas, a orientação é que apresentem um documento pessoal e a prescrição médica.

De acordo com a gerente de imunização de Rio Preto, Michela Barcelos, a adesão neste primeiro dia foi positiva. “No primeiro dia da segunda etapa, tivemos um aumento considerável do número de doses aplicadas por conta dos idosos, que representam o maior grupo da campanha e aderem bastante às vacinas”, afirmou. A aposentada Iracema Gilbertone Correa, de 76 anos, foi uma das primeiras a se vacinar hoje na unidade do Estoril. “Tomo todos os anos. Para mim, a vacina é muito boa. Não tenho gripe”, disse.

A vacina está disponível em 24 unidades básicas de saúde do município, de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h30. Nas unidades do Parque Industrial, Santo Antonio, Eldorado, São Deocleciano, Vetorazzo, Solo Sagrado, Vila Toninho e Jaguaré, as salas ficam abertas até às 19h30. Já as salas de vacina das unidades Cidade Jardim, Jardim Gabriela e Vila Elvira estão temporariamente fechadas por conta das obras de reforma.