Com possível saída de Levir, Santos estuda técnicos para 2018; veja opções

0
Jair Ventura é um dos nomes na mira do Santos (Foto: André Durão)

Com eleições marcadas para dezembro, comissão técnica do Peixe deve mudar

O Santos deverá ter uma nova comissão técnica em 2018. Independentemente do candidato que ganhar as eleições do dia 9 de dezembro, Levir Culpi tem poucas chances de permanecer.

Atual presidente e postulante à reeleição, Modesto Roma já estuda outras opções. E os opositores também não se empolgam com o trabalho feito por Levir, que está na mira do futebol japonês.

– Levir é o técnico do Santos até o fim do ano. Depois, veremos se continuará com a gente – disse Modesto, brevemente, na última terça-feira.

A atual diretoria do Peixe tem cinco nomes na mira. Uns preferem alguém experiente. Outros gostariam de um técnico da nova geração. E há quem defenda a efetivação do auxiliar Elano, algo que Modesto julga precipitado neste momento.

Levir não deve ficar no Santos em 2018 (Foto:  Ivan Storti/Santos FC)
Levir não deve ficar no Santos em 2018 (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

As opções são: Fabiano Soares, do Atlético-PR, Roger Machado (sem time), Vagner Mancini, do Vitória, Claudinei Oliveira, do Avaí, e Jair Ventura, do Botafogo. Veja abaixo a situação de cada um.

  • Fabiano Soares tem 51 anos dirige o Atlético-PR desde julho. O técnico trabalhou no Estoril, de Portugal, e Estradente e Compostela, da Espanha. A diretoria gostou da postura do Furacão nas partidas contra o Santos pela Libertadores e no segundo turno do Campeonato Brasileiro;
  • Roger Machado tem 42 anos e está desempregado desde julho, quando foi demitido pelo Atlético-MG. Antes, dirigiu Juventude e Novo Hamburgo. Ele recusou proposta do Flamengo em agosto;
  • Vagner Mancini tem 50 anos e está no Vitória desde julho. O técnico dirigiu o Santos, em 2009, e vários outros clubes como Grêmio, Vasco, Cruzeiro, Atlético-PR e Chapecoense;
  • Claudinei Oliveira tem 48 anos e está no Avaí desde agosto de 2016. O técnico também dirigiu o Peixe, só que em 2013. Depois, passou por Goiás, Paraná, Atlético-PR e Vitória. O treinador tem ótimo relacionamento com o presidente Modesto Roma;
  • Jair Ventura tem 38 anos e está no Botafogo, seu primeiro clube como técnico profissional, desde agosto de 2016. Antes, ele foi jogador, preparador físico e auxiliar.

Salários de acordo com a situação financeira do clube e bom relacionamento com jogadores das categorias de base são dois dos critérios procurados.

Além de Modesto Roma, o GloboEsporte.com ouviu os outros três candidatos à presidência do Santos já anunciados: Andres Rueda Garcia, José Carlos Peres e Nabil Khaznadar.

As perguntas foram as mesmas. Andres declarou que vai torcer pelo Santos de Levir na reta final do Campeonato Brasileiro, e prefere não comentar s o assunto neste momento.

Você renovaria o contrato de Levir Culpi?

– Restam 10 rodadas para o fim do campeonato. O time ainda disputa o título e vaga direta para a Libertadores. O momento é de respeitar e de torcer pelos profissionais que lá estão – disse Peres.

– Só depois de conversar com ele e mostrar qual nosso plano de trabalho e ele entender que deverá seguir regras – disse Nabil.

Você já tem opções para assumir a comissão técnica? Quais os critérios?

– Quem está no futebol tem de avaliar o mercado o tempo todo. Mas, como disse, não é momento para essas questões. Manter ou não o treinador é algo para ser discutido em dezembro. Em relação aos critérios, penso ser importante respeitar as características do clube, como o espírito ofensivo, e saber trabalhar com nossos jovens talentos, sobretudo, os meninos da base – respondeu Peres.

– Sim, com certeza. Já tenho nomes. Mas só vou falar dois critérios por enquanto: jogar para frente sempre e usar a base e lançar jogadores – respondeu Nabil.

Você contrataria um técnico estrangeiro?

– Nacionalidade não define competência. Treinadores estrangeiros têm muito a contribuir, mas trabalhar no Brasil requer um esforço a mais na compreensão do mercado e da cultura do nosso futebol – afirmou Peres.

– Olha, anos atrás, quando o (Jorge) Sampaoli (técnico da seleção argentina) estava na Universidad de Chile, disse para algumas pessoas: “Tem que contratar esse cara”. Hoje ele é isso tudo que estamos vendo. Não vejo problema em contratar alguém de fora – afirmou Nabil.

Números de Levir

Em 28 jogos no comando do Peixe, Levir Culpi coleciona 13 vitórias, 11 empates e quatro derrotas (59,5% de aproveitamento). Hoje, ele tenta melhorar esse retrospecto diante do Sport.

Confira as informações do Santos para o jogo contra o Sport:

Local: Ilha do Retiro, em Recife
Data e horário: quinta-feira, às 21h (de Brasília)
Provável escalação: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca (Orinho); Matheus Jesus, Vecchio (Serginho) e Lucas Lima; Jean Mota, Copete e Ricardo Oliveira
Desfalques: Alison (suspenso), Bruno Henrique (dores na panturrilha), Renato (inchaço no tornozelo), Victor Ferraz (lombalgia), Gustavo Henrique (cirurgia no joelho), Matheus Ribeiro (lesão muscular na coxa esquerda) e Vitor Bueno (ruptura de ligamentos do joelho)
Pendurados: Vanderlei, David Braz, Daniel Guedes, Zeca e Vecchio
Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA), auxiliado por Fabiano da Silva Ramires (ES) e José Ricardo Guimarães Coimbra (PA)
Transmissão: SporTV menos PE e Premiere (com Rembrandt Junior e Sérgio Xavier)
Tempo Real: GloboEsporte.com, a partir das 20h