Com goleiros como protagonistas, Chapecoense e Palmeiras empatam em SC

0

Equipe catarinense abre placar após falha feia de Vagner, mas não segura a vitória mesmo com grande atuação do goleiro Danilo, vazado em cobrança de pênaltiScreenshot_33

Screenshot_34

RESUMÃO

  • DESTAQUERESUMÃOUma noite de goleiros na Arena Condá nesta quinta-feira. No empate por 1 a 1 entre Chapecoense e Palmeiras, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, os protagonistas foram Danilo e Vagner, com direito a falha feia do visitante e boa atuação do dono da casa. Na primeira etapa, o goleiro palmeirense errou em saída do gol e facilitou para Kempes abrir o placar. Buscando recuperar espaço entre os líderes, o time paulista foi para a pressão na segunda etapa e empatou o jogo com Jean, em cobrança de pênalti. A virada só não veio por causa da boa atuação do goleiro da Chape.

  • DESTAQUE COMO FICA – Os resultados desta 18ª rodada embolaram ainda mais a tabela do Brasileirão. O Palmeiras tem 33 pontos, mesmo número de Santos e Corinthians. Só não é líder porque o time da Vila Belmiro tem melhor saldo. Já o maior rival está atrás. A Chapecoense, com 24, está em 10º.

  • DESTAQUE PRIMEIRO TEMPO – O Palmeiras entrou em campo favorecido pela tabela do Brasileirão. Como nenhum dos adversários diretos do Verdão venceu na rodada, o time do técnico Cuca precisava de uma vitória simples em Chapecó para recuperar a liderança. E até começou o jogo em cima da Chapecoense, fazendo Danilo trabalhar em chutes de fora da área e cruzamentos para área dos donos da casa.
    Mas uma bola mudou todo o panorama do jogo. O Verdão, que chegou a ter 69% de posse de bola na primeira etapa, se abateu com uma falha de Vagner. Aos 29 minutos, o goleiro errou numa saída de gol e facilitou a vida de Kempes, que só teve o trabalho de empurrar para a rede e abrir o placar na Arena Condá. Os visitantes reclamaram da posição do atacante da Chape.
  • DESTAQUE SEGUNDO TEMPO Com Cleiton Xavier na vaga de Thiago Santos, Cuca tentou colocar o Palmeiras no campo de ataque. Aos 13 minutos, Erik saiu para a entrada de Lucas Barrios. Mas, na pressão paulista, brilhou a estrela do goleiro Danilo.

     

    Bem posicionada na defesa, a Chapecoense segurou o Verdão bom boas defesas do seu goleiro e contra-ataques perigosos. Aos 17, Hyoran driblou Vagner e tocou para o gol, mas Zé Roberto conseguiu salvar em cima da linha.
    Quando os donos da casa pareciam ter controlado a partida, Cleiton Xavier foi tocado por Gil dentro da grande área e sofreu pênalti. Na cobrança, Jean chutou rasteiro para empatar a partida. A virada palmeirense só não veio porque Danilo, em noite inspirada, evitou o gol do camisa 10 do Verdão no fim da partida, em finalização dentro da área.

DEIXE UMA RESPOSTA