Catanduva – Cadastros guiarão Prefeitura na busca de Programas Habitacionais

0

Com levantamento em mãos, prefeito Geraldo Vinholi irá buscar os Programas para cada faixa de renda

Na busca de saber a real necessidade habitacional da população de baixa renda de Catanduva, a Prefeitura está realizando, desde o dia 4 de julho, um cadastramento baseado no Estudo da Demanda Habitacional. Nestas seis semanas já concretizou 4.497 cadastros de pessoas que participaram de agendamento prévio em evento realizado no Conjunto Esportivo ‘Anuar Pachá’.
O cadastro está sendo desenvolvido na sede da Inclusão Social. E também está servindo para as inscrições para os apartamentos da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano). Este se refere a última conquista do prefeito Geraldo Vinholi junto ao Governo do Estado, para a construção de mais 182 unidades habitacionais para Catanduva.
O grande objetivo deste levantamento é saber o real déficit habitacional existente em Catanduva. Mais do que isso, saber quais são todas as faixas de renda, entre zero até 10 salários mínimos. Através destas informações, Geraldo Vinholi saberá quais os programas habitacionais mais adequados para cada faixa de renda. De antemão, já se reuniu com o responsável pelo Programa Minha Casa Minha Vida, que é o Ministro das Cidades, Bruno Araújo do PSDB, que acenou com boas possibilidades. Porém esta conversa deverá ser retomada somente após as eleições, em respeitos às leis que regem este período.
O prefeito Vinholi construiu integralmente o bairro Nova Catanduva I, entregando 1.512 casas para as famílias catanduvenses, além disso outras 384 foram feitas pela MRV. Estão em construção mais 620, referente ao Nova Catanduva II e mais 384 da MRV. Soma-se a isso, os 182 apartamentos da CDHU, o que ultrapassa as 3 mil unidades habitacionais prometidas em sua campanha de 2012.
Tido como o prefeito que mais entregou casas, num menor período de tempo, Vinholi computa a seu favor mais de 3 mil moradias, contra apenas 643 casas do Giuseppe Spina, construídas pelo ex-prefeito durante os oito anos de governo.

DEIXE UMA RESPOSTA