Bauru deslancha no fim, vence o Minas e segue vivo na Liga Sul-Americana

0
Foto: Victor Lira / Sendi Bauru Basket

Equipe mineira endurece jogo, mas acaba vendo o Dragão vencer; Mesmo com derrota, clube de BH permanece com chances de classificação

Bauru entrou pressionado em quadra nesta quarta-feira, pela Liga Sul-Americana. Além de enfrentar um bom time do Minas Tênis Clube, o time paulista jogava contra a eliminação precoce na competição continental. E após um duelo bem equilibrado e digno do nível do campeonato, o Dragão bateu os minastenistas por 75 a 70, com um bom período final. As duas equipes permanecem vivas no Grupo C da competição, que está sendo disputado em Cali, na Colômbia.

Assim como na derrota para o Quimsa, Lucas Mariano foi o grande nome da noite para Bauru. O pivô foi o cestinha da partida com 18 pontos, com sete rebotes. No Minas, destaque para o armador Gegê, que anotou 14 pontos.

Nesta quinta-feira, acontece a rodada decisiva da chave. O Minas tem um duelo duro contra o Quimsa, da Argentina, às 20h45, podendo se classificar. Mais tarde, às 23h, o Bauru joga também pela vaga contra o Fastbreak. Além do primeiro e do segundo lugar no Grupo C, o melhor terceiro entre as chaves A, C e D também avança.

O jogo

Os primeiros minutos foram equilibrado em Cali, com os times trocando cestas. Na metade do período, o Bauru passou a jogar melhor, reforçando a defesa e segurando Minas na casa dos cinco pontos. O momento rendeu uma leve vantagem aos bauruenses, que fecharam a primeira parcial com 21a 15 no placar após liderarem por 10 pontos.

Na segunda parcial, a equipe de Belo Horizonte melhorou muito. Che Bob empatou o placar numa boa jogada de cesta e falta. Bauru reagiu com Lucas Mariano, voltando à frente. Nos últimos instantes, os paulistas conseguiram manter uma pequena frente, levando a partida ao intervalo em 38 a 31.

Taylor, Jefferson e Enzo Ruiz fizeram uma sequência ótima de ataque, fazendo o Bauru disparar no placar e abrir 11 pontos de frente. Espiga rapidamente pediu tempo, cobrando uma reação. Leozão descontou no pick e ainda protagonizou um lindo lance com uma bandeja anotada após um giro. Vendo sua gordura desaparecer, Demétrius apostou no veterano Fúlvio, que desafogou o Dragão com uma bola de 3 longa. Gegê ainda descontou no fim, deixando o Minas vivo: 58 a 55.

No começo do último período, o Minas empatou a partida, colocando emoção no jogo. Pelo lado bauruense, o pivô Lucas Mariano voltou a dar as cartas, mas desta vez fora do garrafão, num chute importante de fora, deixando a partida em 65 a 60.

Jefferson ampliou a vantagem para sete pontos, mas foi mesmo o lance seguinte que praticamente sacramentou a vitória do Bauru. Wesley cometeu sua quinta falta no jogo e ainda levou uma falta técnica, deixando os minastenistas em situação complicada. No fim, prevaleceu o jogo bauruense: 75 a 70.

Quimsa bate os donos da casa

No segundo jogo da noite, o Quimsa suou e bateu os donos da casa por 88 a 85, garantindo a liderança do grupo na rodada. O time argentino é o único com duas vitórias. O cestinha foi Stalin Ortíz, do time colombiano, com 27 pontos.

Veja o calendário de jogos com horário de Brasília

Terça-feira, 16/10

  • Bauru 80 x 86 Quimsa
  • Minas 91 x 74 Fastbreak

Quarta-feira, 17/10

  • Bauru 75 x 70 Minas
  • Fastbreak 85 x 88 Quimsa

Quinta-feira, 18/10

  • 20h45 – Minas x Quimsa
  • 23h – Fastbreak x Bauru