Amigo de motociclista que morreu após atropelar pedestre nega possível racha em avenida, diz polícia

0
Kamilla Rodriguês estava caminhando quando foi atingida por uma moto em Penápolis — Foto: Reprodução/Facebook

De acordo com a GCM, durante patrulhamento pelo bairro Hilda Mandarino, a equipe encontrou o veículo estacionado em lugar ermo e percebeu a movimentação dentro do veículo.

O amigo do motociclista que morreu após atropelar a jovem Kamilla Rodriguês Garcia, de 24 anos, em Penápolis (SP), foi identificado pela Polícia Civil e prestou depoimento nesta terça-feira (18) . Segundo a polícia, o rapaz de 23 anos confessou que estava com o amigo no momento do acidente, mas negou que os dois participavam de um racha.

O acidente foi registrado no dia 13 de junho, na avenida Antônio Rodrigues Boucinha. Kamila andava com o namorado, quando foi atingida pela moto na calçada.

O motociclista Bruno Milani da Silva, de 18 anos, não resistiu aos ferimentos e também morreu. O amigo, que estava em outra moto, não parou no local.

De acordo com a polícia, durante depoimento o jovem afirmou que seguia ao lado da moto do do Bruno, quando ao passarem por uma lombada, o amigo se distanciou.

Em seguida, ele viu faíscas no asfalto e percebeu que a jovem e o amigo tinham sofrido um acidente.

À polícia, o motociclista também disse que não permaneceu no local do acidente porque teve medo de ser agredido.

Acidente

Segundo informações do boletim de ocorrência, duas motocicletas trafegavam pela via em alta velocidade quando uma delas atingiu Kamilla Rodriguês nas costas.

A vítima, que estava andando pela calçada com o namorado Leonardo Maziero Soares, foi arrastada por cerca de 50 metros junto com a motocicleta.

Ainda segundo o registro policial, o piloto Bruno Milani da Silva, de 18 anos, foi lançado ao solo e também não resistiu aos ferimentos causados pela batida.

‘Estávamos tão felizes’

O namorado da jovem desabafou nas redes sociais sobre o acidente. Em uma postagem feita, Leonardo Maziero Soares escreveu que os dois estavam felizes antes do acidente acontecer.

“Nega, porque você se foi meu amor. Te amo tanto vida. Estávamos tão felizes com tudo ‘neguinha’. Sempre vou te amar, te prometo isso e também vou fazer tudo pela Bia. Sei que aí no céu está tendo uma grande festa pela sua chegada, nega. Te amo para sempre, meu amor”, escreveu Leonardo Maziero Soares.

Namorado fez post em rede social lamentando morte de namorada em Penápolis — Foto: Reprodução/Facebook