Sesi Rio Preto traz exposição com trajetórias urbanas de catadores

0

Fotos e esculturas propõem percurso estético atrelado a personagens reais.
Mostra fica na cidade até dia 4 de dezembro com entrada gratuita.

As trajetórias urbanas das pessoas que buscam objetos e acumulam histórias em carrinhos de mão são o mote para a exposição ‘Catadores’, no Sesi de São José do Rio Preto (SP) a partir  desta sexta-feira (21) até o dia 4 de dezembro com visitação gratuita e classificação livre.
Na mostra, fotógrafo Daniel Moreira e o escultor Leandro Gabriel articulam linguagens e diversos suportes para traduzir um olhar sobre o catador, um transformador de restos da paisagem urbana. Moreira documenta, articula e reflete sobre o que divide a fronteira entre homem e bicho por meio da fotografia, enquanto Gabriel apresenta seu carro-objeto modelado em sucata.

Os artistas também fizeram um vídeo em que mostram os pés de um catador em uma caminhada infindável, criando condições de equivalência em uma reflexão sobre degradação e resistência.

A exposição propõe um percurso estético atrelado ao deslocamento de personagens reais em busca de achados entre as imagens e o refugo gerado pela produção de bens de consumo, oferecendo assim uma imersão nos aspectos existenciais e poéticos da procura, do encontro e da inter-relação entre artistas e catadores.

A exposição inicia a temporada do projeto Espaço Galeria Sesi-SP, que apresenta mostras itinerantes de diferentes técnicas e formatos.

Fotógrafo documenta, articula e reflete sobre o que divide a fronteira entre homem e bicho  (Foto: Divulgação)
Fotógrafo documenta, articula e reflete sobre o que divide a fronteira entre homem e bicho (Foto: Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA