Acidente com dois caminhões provoca vazamento de biodiesel e interdita rodovia

0
Com o acidente, um congestionamento de cerca de cinco quilômetros formou-se na SP-225 (Foto: Luizinho Andretto / Imagem cedida)

Caminhão-tanque bateu na traseira de outro que transportava cana-de-açúcar e derrubou na pista cerca de 22 mil litros da carga. Acidente interditou parte da pista da rodovia SP-225, que liga Bauru a Jaú.

Um grave acidente entre dois caminhões no fim da tarde desta quinta-feira (5) deixou interditada parte da Rodovia João Ribeiro de Barros (SP-225), no trecho entre Bauru e Jaú (SP). O choque aconteceu nas proximidades do trevo de acesso a Itapuí.

Um caminhão-tanque carregado com 44 mil litros de biodiesel, divididos em dois compartimentos, bateu na traseira de um caminhão do tipo bi-trem, que transportava cana-de-açúcar.

No choque, um dos compartimentos do caminhão-tanque se rompeu e parte da carga, com cerca de 22 mil litros de biodiesel, foi despejada na pista. Ambos transitavam no sentido Bauru-Jaú.

Acidente entre dois caminhões provoca vazamento de biodiesel em rodovia de Bauru
Acidente entre dois caminhões provoca vazamento de biodiesel em rodovia de Bauru

O motorista do caminhão-tanque ficou preso às ferragens, mas foi socorrido com ferimentos aparentemente leves e conduzido para a Santa Casa de Jaú. O motorista do caminhão canavieiro não se feriu.

Com o choque, a pista, que é duplicada, foi totalmente interditada e um congestionamento de cerca de cinco quilômetros se formou, chegando próximo à praça de pedágio localizada junto ao viaduto sobre o Rio Tietê.

Cerca de 22 mil litros de biodiesel foram despejados na pista (Foto: Cristiane Paião / TV TEM)
Cerca de 22 mil litros de biodiesel foram despejados na pista (Foto: Cristiane Paião / TV TEM)

No início da noite, a Polícia Rodoviária, com ajuda do Corpo de Bombeiros, que fez o trabalho de resfriamento do caminhão-tanque, conseguiu liberar uma das faixas da pista para o trânsito.

O restante da carga de biodiesel, de 22 mil litros, deve ser removida numa operação de transbordo, feito por um caminhão enviado de Paulínia (SP) até o local do acidente.

Cabine e o primeiro compartimento de carga do caminhão-tanque ficaram bastante danificados (Foto: Luizinho Andretto / Imagem cedida)
Cabine e o primeiro compartimento de carga do caminhão-tanque ficaram bastante danificados (Foto: Luizinho Andretto / Imagem cedida)